quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Úteis sacrifícios




Tem coisas que são um saco. Uma delas é o fato de que, vez ou outra, precisamos fazer sacrifícios.
Não adianta: sacrificar-se pode dar bons frutos, pode ser sinal de altruísmo e etc. Mas isso não muda o fato de que é chato.
É comum ter que abrir mão de uma coisa para conseguir outra. Exemplo: você quer muito passar em uma prova e, para estudar para ela, você até deixa de sair com os amigos. TV? Coisa do passado. Facebook (ê, vício!)? Nem pensar!

E é assim, aos pouquinhos, que o sacrifício acontece.

A pergunta é: vale a pena o esforço? Pior que sim! É como aquela velha frase da vovó: "nada na vida é de graça". Se você quer crescer na vida, tem que fazer por merecer.
Obviamente, toda regra tem sua exceção. Sabemos que existem aqueles que, por terem Q.I, conseguem tudo de forma fácil. Mas nós, reles mortais, ainda temos que ralar para conseguir as coisas. É difícil, mas o lance é procurar a motivação certa. Quando você encontrar algo que queira de verdade (i.e, a motivação), ficará mais fácil se sacrificar.
É isso aí, povo: força de vontade! Procure "o que faz você feliz" ( haha que frase mais pão de açúcar) e corra atrás disso.  Sacrifícios doem, mas são úteis. Se quer alcançar o alvo, a escolha é sua: será que você consegue abrir mão?

Nenhum comentário:

Postar um comentário